REMOTE FIRST. Um curta-metragem sobre liberdade e propósito nas relações de trabalho. Assista agora!

Quando ganhamos a liberdade de trabalhar com mais autonomia, flexibilidade e de onde quisermos, é comum pensarmos que a primeira coisa que vamos fazer é sair para conhecer novos lugares e viajar pelo mundo. E, muitas vezes, isso pode acontecer mesmo.

Porém, depois de começar a explorar muito, por experiência própria, você percebe que quer essa liberdade para outras coisas e não necessariamente somente para viajar. Às vezes, é simplesmente para tornar possível o desejo de morar em um lugar mais distante do centro da cidade ou porque quer começar a economizar dinheiro e não quer gastar em deslocamento.

Viajar é sempre uma ótima opção, mas não é necessariamente a única opção para alguém que é officeless. Porque ser officeless permite que você expanda as suas possibilidades.

Nômade Digital x Home Office x Officeless

Muitas vezes quando falamos em outros termos como "home office" ou "nomadismo digital", logo pensamos que é preciso trabalhar de casa ou que é necessário ficar viajando o tempo todo. Agora, quando usamos a palavra "officeless" estamos falando, principalmente, sobre essa não dependência de um escritório.

Isso também não quer dizer que você não possa ter um escritório. Se apropriar do termo "officeless" é sobre ressignificar a forma como escolhe trabalhar - independentemente de quando, onde e como isso vai acontecer.

Compartilhar esse post

Outros posts

5 motivos para não usar Slack, WhatsApp ou e-mail no trabalho remoto

Devo cobrar resultados diferentes de quem está remoto?

Motivação para trabalhar: você precisa ter um objetivo em comum com a sua equipe

Faça parte do movimento
#beofficeless

Milhares de pessoas já se tornaram Officeless e voltaram a amar o trabalho que fazem. Ajude você também a acelerar essa mudança que é necessária.

Faça parte do movimento