REMOTE FIRST. Um curta-metragem sobre liberdade e propósito nas relações de trabalho. Assista agora!

Nos últimos anos, a gente tem ouvido falar muito sobre "propósito". Às vezes, até parece que essa virou uma buzzword ou uma modinha dos tempos atuais. Por mais que pareça clichê tocar nesse assunto, é incrível como isso é capaz de mudar tudo.

A partir do momento em que todos de uma equipe têm clareza sobre o propósito do time e do seu trabalho, o engajamento dessas pessoas só tende a crescer. E por que estou tocando nesse assunto?

Para lembrar que, por mais que o propósito esteja evidente, em alguns momentos, ainda será necessário fazer coisas que não são tão motivadoras e, ainda assim, vai estar tudo bem.

Começamos a enxergar que aquela atividade pode não ser tão glamourosa ou desafiadora, mas nós entendemos a importância de fazer isso acontecer para alcançar um objetivo maior. Por consequência, também acabamos dando o nosso melhor para essa atividade.

Quando falamos de um time distribuído, se torna ainda mais essencial ter um time alinhado pelo propósito para que essas pessoas possam seguir fazendo o seu trabalho com vontade, resolvendo desafios e sendo capazes de "passar por cima" daquelas tarefas que não são atrativas.

Por muitas vezes delegamos diversas tarefas para nossa equipe, mas não compartilhamos o porquê aquelas tarefas são necessárias. Ter um propósito claro e compartilhado faz com que todos entendam a importância de cada passo que estamos dando e aumente o engajamento das pessoas independente do horário ou local que cada uma vai estar trabalhando.

Compartilhar esse post

Outros posts

5 motivos para não usar Slack, WhatsApp ou e-mail no trabalho remoto

Você não precisa ser um nômade digital para trabalhar à distância

Devo cobrar resultados diferentes de quem está remoto?

Faça parte do movimento
#beofficeless

Milhares de pessoas já se tornaram Officeless e voltaram a amar o trabalho que fazem. Ajude você também a acelerar essa mudança que é necessária.

Faça parte do movimento